A Colina das Bruxas - Marion Zimmer Bradley

A Colina das Bruxas Marion Zimmer Bradley Editora : Difel Páginas : 202 Sinopse: Sara Latimer, uma jovem de vinte e poucos anos, perde...

A Colina das Bruxas
Marion Zimmer Bradley

Editora: Difel
Páginas: 202

Sinopse: Sara Latimer, uma jovem de vinte e poucos anos, perde toda a família de forma súbita e trágica. Quase simultaneamente descobre que herdou uma antiga casa na Nova Inglaterra, onde decide recomeçar a sua vida. Mas a casa é apenas a parte visível da sua herança, pois as tradições familiares incluem outras facetas bem mais misteriosas.

Dividida entre a modernidade e a tradição da família, entre o jovem médico local por quem se apaixona e os mistérios da sua falecida tia-avó, a última habitante da casa Latimer, Sara viaja no tempo e no espaço, confrontada com a sua identidade e os seus múltiplos passados.

A jovem transforma-se num campo de batalha onde as forças das trevas e do amor se confrontam, lutando pela supremacia e pela conquista da sua alma.

A Colina das Bruxas é uma fabulosa viagem aos mitos do mundo rural americano, com o seu passado puritano, lendas de bruxas, feiticeiros e o seu encontro com a modernidade. É também a exploração de temores e receios atávicos, dos poderes ocultos, das pulsões eróticas e da demanda do poder.


Opinião: Após ter parado a leitura dos livros de Marion Zimmer Bradley durante uns tempos, esta volta através do livro A Colina das Bruxas.
Bem diferente da saga de Avalon, A Colina das Bruxas traz-nos uma história meia de terror e mística passada na decada de 70.
Sara Latimer vê-se deparada com a morte de toda a família e ainda uma confissão desesperada de última hora do seu pai: Todas as Sara Latimer da sua família, desde há 300 anos, tinham sido bruxas e morrido das formas mais horrendas. Confrontada com esta situação, descobre ainda que herdou a casa da sua tia, também ela Sara Latimer, em Witch Hill. Sem dinheiro para poder pagar um apartamento, decidi ir morar para casa da tia até terminar o seu livro de ilustrações. É lá que conhece Brian e se apaixona por ele.
Um livro que nos mostra como a vida se passa nas vilas mais pequenas e remotas e de como as pessoas se relacionam.

Com a sua chegada e Witch Hill, todos pensam que Sara é a reencarnação da sua tia que morreu há apenas 7 anos. Não só ela, mas também todos os membros da congressão da Igreja do antigo rito que tentam fazer com que todas as memórias da bruxa Sara, voltem para esta jovem. Quem será esta jovem afinal? Ela mesma? A reencarnação do espírito da tia? A sua luta interior decorre ao longo de todo o livro, quem vence?

Os acontecimentos e desenlaces cheios de mistério e sensualidade, fazem com que a leitura seja quase compulsiva em querer saber sempre mais. Gostei de o ler. Apesar de ser um estilo diferente do que estava habituado com os livros de Avalon, achei que o livro tinha na mesma o seu toque de mágico e de Antigo. Há sempre uma verdade nos livros de Marion Zimmer Bradley, quer se queira, quer não.
Para quem gosta de MZB não poderá perder este livro.

Nota: 7/10

0 comentários