Aquisições de Março de 2014 (3)

Um envolvente romance histórico baseado na descoberta de um manuscrito do século V que retrata na primeira pessoa a experiência de Gwynn...


Um envolvente romance histórico baseado na descoberta de um manuscrito do século V que retrata na primeira pessoa a experiência de Gwynneve, uma freira irlandesa colocada entre dois mundos: o legado da antiga sabedoria dos druidas e a crescente expansão do cristianismo. Ao fim de mil e quinhentos anos, o «espectro» de Gwynneve vem à luz transmitindo-nos a sua história ocultada, através desta genial e rigorosa adaptação ao romance histórico com base no seu manuscrito original encontrado numa escavação nas proximidades de Kildare, na Irlanda. Este codex está escrito em gaélico com algumas frases em latim e pode ser lido na sua forma original nos arquivos do Trinity College, em Dublin.


Desde a Grande Vitória do Vale dos Três Rios, os humanos podem respirar de alívio: a grande raça dos minotauros foi banida para sempre da face da Terra e vivem-se épocas de paz. No entanto, muito do que aconteceu nesse momento decisivo perdeu-se na memória dos tempos, e agora há quem aparentemente esteja interessado em descobrir se as velhas profecias e lendas serão mesmo verdade. Estará a raça dos minotauros mesmo extinta? Existirá mesmo o Labirinto da Aliança, de onde sairá aquele destinado a unir e liderar ambas as raças? Uma aventura emocionante repleta de acção, segredos, traições e reviravoltas surpreendentes que deixará rendidos os fãs do género.


Desde que há memória, dois clãs de bruxas, as Omar e as Odish, vivem em permanente conflito, incapazes de conciliar as suas diferenças ancestrais. Apenas uma velha profecia deixa entrever alguma esperança de no futuro a eleita conseguir unir ambas as tribos. E agora todos os sinais confirmam que a chegada dessa eleita está próxima. Quando Anaíd, uma jovem de catorze anos, acorda uma manhã e verifica que a mãe desapareceu, pensa que lhe poderá ter acontecido todo o tipo de coisas, menos que a sua mãe é uma bruxa Omar e considerada por todas aquela de que a profecia fala…


Neste segundo volume da trilogia A Guerra da Bruxas, a antiga profecia cumpriu-se finalmente e Anaíd, a eleita dos cabelos de fogo, possui agora o ceptro do poder. As bruxas Omar esperam que ela acabe com as sanguinárias Odish, o clã que desde sempre as combateu. Mas Anaíd, tem apenas quinze anos e terá de partir com a mãe, numa fuga desesperada para norte, que será também a sua viagem de iniciação, que lhe revelará todos os mistérios e lendas que rodeiam as suas origens e o seu próprio nascimento. E a verdade não poderia ser mais aterradora...

OPINIÃOhttp://www.branmorrighan.com/2014/04/opiniao-deixa-dormir-o-diabo-de-john.html
David Gurney, um ex-detetive da Polícia de Nova Iorque, aceita encontrar-se com uma jovem que está a realizar um documentário sobre o Bom Pastor. Uma década atrás, uma série de assassinatos fizeram deste serial killer notícia de primeira página. Mas os crimes pararam, sem que ninguém tenha percebido porquê.
Para o FBI este era um caso arquivado, até que Gurney descobre elementos que a investigação inicial tinha desprezado e arrisca a própria vida para encontrar o Bom Pastor, transformando-se no próximo alvo do assassino. Dave Gurney sabe que está perante um homem perigoso e inteligente …  um diabo que despertou.

0 comentários