Saudades do RA (Ricardo Remédio) ? Espreitem as novidades e o artwork do João Pedro Fonseca

Há relativamente pouco tempo entrevistei Ricardo Remédio , conhecido no mundo da música como RA. Tinha acabado de descobrir Rancor, o ...


Há relativamente pouco tempo entrevistei Ricardo Remédio, conhecido no mundo da música como RA. Tinha acabado de descobrir Rancor, o seu EP, e não pude ficar indiferente à energia subversiva e ao mesmo electrizante da sua música. Não vou dizer que é daquelas que agrada a todos, raramente as coisas verdadeiramente especiais o fazem, mas quem a ouve e mergulha nela, não mais quer vir à superfície, tornando-se inevitável entrar em ciclos de repeat viciantes.

É um EP que surpreende, esmaga, agarra pelas entranhas e nos faz sentir as mais diversas emoções. Não fossem já os nomes de cada música sugestivos, também toda a produção sonora desassossega, questiona, revolta e excita. Ricardo Remédio é único no que faz e quem o segue há muito que reclama por mais. Chegou então o momento de termos novidades, dadas em primeira mão pelo mesmo na sua página de Facebook.

"No mês em que faz sensivelmente dois anos desde que lancei o meu primeiro EP, sai a primeira das quatro remixes - uma por cada música - que ao longo deste tempo consegui recolher. Foi feita pelo Daniel O’Sullivan (Miracle, Mothlite, Ulver, Grumbling Fur), que pegou na canção “O(s) Cobarde(s)” e transformou-a numa interpretação incrível do conto sci-fi “The Mitr”, de Jack Vance. Posso dizer que tive arrepios quando a ouvi, o que não me acontece muito frequentemente.



As outras três serão lançadas até ao final do verão, uma de cada vez, em dias certos: 23/04, 23/05, 23/06, 23/07.

Noutras notícias, passei a Páscoa a gravar música nova com a produção do ghuna x. O objectivo é fazer do resultado final destas gravações um EP que sirva de ponte para o longa-duração que está a ser composto desde o final do ano passado."

O artwork tem a autoria do talentoso João Pedro Fonseca, já entrevistado aqui no blogue, e podem ver como foi o processo através do vídeo. Escusado será dizer que a minha admiração tanto pelo Ricardo como pelo João são enormes. Dois artistas que se separados já são excelentes, quando se conjugam tornam-se excepcionais. Só posso desejar que esse LP do RA venha o mais rápido possível e com ele umas quantas actuações ao vivo. 


0 comentários