Escritos Aleatórios #51

“Continuo. Paro. Penso. Não consigo parar. Mais uma vez. Só uma. Agora. Sim. Não faz sentido de outra maneira. PARA!!! Vê. Olha. Sente....



“Continuo. Paro. Penso. Não consigo parar. Mais uma vez. Só uma. Agora. Sim. Não faz sentido de outra maneira. PARA!!! Vê. Olha. Sente. Olha para mim. Diz-me o que tens aí guardado. Não quero ouvir mais. Quero sentir mais. Para depois te deixar. Para me abandonar. Para te foder além mar.”

Morrighan

0 comentários