[Divulgação] Projecto Literário Imaginauta - «Comandante Serralves – Despojos de Guerra»

Há cerca de um ano, Carlos Silva lançou um desafio a 5 autores. Partindo de uma história inicial, um punhado de personagens e de uma linh...

Há cerca de um ano, Carlos Silva lançou um desafio a 5 autores. Partindo de uma história inicial, um punhado de personagens e de uma linha temporal, construir um universo, expandindo-o em complexidade e novas perspectivas.

Vitor Frazão, Ana Ferreira, Joel Puga, Inês Montenegro e Rui Leite alinharam na aventura, criando “Comandante Serralves – Despojos de Guerra”, uma aventura espacial por um herói muito questionável.

O Sistema Solar foi invadido. “Comandante Serralves – Despojos de Guerra” não é a estória de como a Humanidade se uniu e derrotou essa ameaça, mas sobre o que veio depois.

É uma estória sobre a Aliança Humana e quem se opõe a ela. Sobre separatistas que acreditam que a Liberdade e as identidades culturais dos povos da Terra e das colónias espaciais não devem ser sacrificados perante a visão unitária e absolutista do Presidente da Aliança Humana.

Entre estes rebeldes destaca-se Serralves, o nosso guia neste mundo. Ele próprio uma relíquia de guerra, tal como a sua nave, Maria. Um simples soldados que abraçou a causa, distinguindo-se dos camaradas apenas graças a um pequeno pedaço de tecnologia roubadas aos invasores alienígenas.

Para alguns é um herói. Um símbolo da Rebelião que nunca pode ser permitido que morra. Para outros, um vilão. Um mísero criminoso que prospera no caos da Rebelião, um monstro responsável por atrocidades inarráveis.

Ou apenas um soldado, que para o bem ou para o mal, faz as suas escolhas e vive com as consequências.

Mais do que apenas um conto numa antologia, cada contributo é um episódio que complementa os restantes, na longa e sinuosa jornada à descoberta do astuto Comandante Serralves. Viagem na qual os seus autores esperam ter a companhia não só de vários leitores, como de outros artistas. Tal como “Comandante Serralves – Despojos de Guerra” nasceu da partilha de um autor, queremos ver esse mesmo espírito continuar e o universo de Serralves expandir com os contributos de todos vós.

Mais em: http://imaginauta.net/    

Brevemente entrevista à organização do Imaginauta! 

0 comentários