[Musicbox] Boogarins em Lisboa a convite de The Legendary Tigerman

Os Boogarins estão a descobrir o mundo. A banda, que nasceu em formato duplo no longínguo estado brasileiro de Goiânia no coração de Mina...

Os Boogarins estão a descobrir o mundo. A banda, que nasceu em formato duplo no longínguo estado brasileiro de Goiânia no coração de Minas Gerais, chega à Europa este mês de Julho para aquela que será a primeira digressão fora do país de origem. Em jeito de carta de apresentação trazem “As Plantas que Curam” (single para escuta), o disco de estreia que atira a língua de Camões para os anos 60 em São Francisco. Ao longo das dez trilhas do disco encontramos rock psicadélico a cheirar a clássico, com aura de sonho e preguiça boa; encontamos Kinks, Floyd e, claro está, Mutantes.
A banda, que herda nome da flor de jasmim a quem os anciãos caracterizam como cheirando a amor, chega ao Musicbox no âmbito das noites Teach Me Tiger, sessões de rock de diferentes caminhos orientadas e curadas por The Legendary Tigerman. Ele mesmo assumirá os comandos da mesa de mistura após o concerto, juntamente com Mr. Mitsuhirato.
O concerto, marcado para 26 de Julho, começa às 00h00 e os ingressos podem ser adquiridos por 8 euros na bilheteira online e locais habituais.

SÁBADO . 26 JULHO
TEACH ME TIGER
BOOGARINS | LIVE | 00H00
THE LEGENDARY TIGERMAN (DJSET) | CLUBBING | 01H30
MR. MITSUHIRATO | CLUBBING | 03H30
Entrada: €8


Boogarins por The Legendary Tigerman:

Há um ano atrás conheci o Fernando, dos Boogarins, em Pirinópolis, quando fui tocar ao festival Canto da Primavera. Antes tinha ouvido o disco deles no carro do Fabrício Nobre, nosso agente em comum, que me disse que eles tinham assinado o contrato com a Fat Possum assim, na maior, porque tinham enviado um disco e tinham gostado. Ambos rimos, muito, ainda há esperança, dissemos, as coisas ainda acontecem assim, da maneira certa às bandas certas. E rimos. O Fernando estava a trabalhar no palco, tipo roadie. No final do meu concerto fomos acabar com a comida e bebida no meu camarim. Falámos e rimos, e eu disse ao Fernando (Dinho!) que acreditava que muito em breve ele estaria a dar a volta ao mundo em tour, e que tinha um feeling que em breve faria as primeiras partes deles. Ele riu, com a inocência de quem não sabe o que o espera. Não foi preciso esperar muito, este ano já o fiz, com um enorme prazer, no Brasil. Agora estarão aqui, em Lisboa, em mais uma Teach me Tiger.
É raro e um enorme prazer conhecer os artistas certos nas alturas certas. Não sei se daqui a um ano os Boogarins serão uma banda enorme, com um sucesso mundial. Creio que sim. Mas de qualquer modo, o que me interessa é que neste momento, não há outra banda da qual eu goste mais, ao vivo. E poder partilhar isto com vocês é "bão demais". 
Senhoras e senhores, os Boogarins, para vosso (e nosso) deleite.

Links banda:

0 comentários