Ai que ele vem aí...! [Diário de Bordo XXXII]

Há tanto tempo que não escrevo para o Diário de Bordo que nem sei por onde começar. Desde o Escritaria já se passou tanta coisa...! Ora ...


Há tanto tempo que não escrevo para o Diário de Bordo que nem sei por onde começar. Desde o Escritaria já se passou tanta coisa...! Ora bem, posso começar por dizer que coisas por fazer é o que não falta. Nestas últimas semanas, estudos, entrevistas, basquet e um projecto em que estou envolvida, têm-me roubado o tempo todo! Entrevistei os Brass Wires Orchestra, Los Waves, O Abominável e Lotus Fever, presencialmente. Publiquei as entrevistas de Xinobi, Cherry, Hot Air Balloon e Hugo Ferreira (Leiria Calling). De opiniões de livros só consegui publicar a de A Sorte Que Move o Destino e de Viajantes. Fora isto, já começaram a sair algumas fotografias do Arraial do Técnico, mas em breve sairão mais. Hoje saem as fotos de Holy Fuck tiradas no Musicbox pelo Nuno Capela. Também saiu a opinião do disco This Is Los Waves So What?, dos Los Waves.

Projecto Mistério com a Mar B
Como vêem, é preciso muito amor à camisola para fazer isto tudo, manter um doutoramento e ainda jogar basquetebol. Ah! E uma vidinha própria/pessoal de vez em quando. Eheheh. Existe um "Projecto Mistério" em que ando envolvida que também brevemente verá um set de fotos publicadas aqui no blogue! Só para ir aguçando a curiosidade que não tarda tenho novidades a sério! Em relação ao Concurso de Contos dos 6 Anos Blogue Morrighan, já anunciei a Associação sem Fins Lucrativos - Burricadas. Também um dos autores convidados foi já anunciado, o meu grande e querido amigo Luís Miguel Rocha. A nova Playlist da Quinzena também já se encontra online, pela mão do Bruno Cardoso (Xinobi).



Memórias de Entrevistas

O Abominável
Lotus Fever











Apesar de tirar muitas fotografias aos outros, não é assim tão comum ser fotografada com as bandas. Ainda assim, de vez em quando acontecem entrevistas que fogem à regra, que se tornam em conversas de café e que ficam nas nossas memórias com muito carinho. Esta semana, por Skype, entrevistei então os O Abominável e ri-me como poucas vezes ri numa entrevista. Ali naquela fotografia à esquerda são eles a fazerem "Props" por supostamente gostarem de Hip Hop, mas quando partilharam a fotografia no seu próprio facebook (https://www.facebook.com/oabominavel/posts/812857982110561) , disseram que era para mim. Este pequeno gesto, insignificante para alguns, fez-me sentir muito grata.

Ali à direita temos os Lotus Fever, banda que acompanho há meses, mas que só agora foi possível entrevistar pessoalmente. O local? A escadaria do Técnico, pois claro. Eu ia ter jogo a seguir e acabámos por ficar ali. Quando lhes ia tirar uma foto, quiseram tirar comigo, mesmo eu estando de fato-de-treino, sem me pentear, etc. Ahahah. Foi mais uma entrevista em que realmente o ambiente bem disposto imperou e em que eles me espetaram uma grande peta sobre a sua origem, mas o tom sério com que foi contado foi tão credível que só podia deixar ficar registado. Na entrevista depois irão perceber.

Já tenho outras entrevistas agendadas e por agendar, só me falta mesmo ganhar a coragem de as transcrever a todas! Para Novembro também estou a preparar algo especial com uma banda que respeito muito. Queria conseguir fazer e chegar a muitos mais sítios. A verdade é que o blogue, ainda assim, é apenas um hobbie. Existem tantas ideias na minha cabeça sempre a ferver...! Custa-me perder algumas oportunidades por falta de tempo e disponibilidade, mas a vida é mesmo assim, feita de escolhas e prioridades, muitas vezes inconscientes. 

Deixo-vos aqui uma pequena galeria de discos que fui recebendo nos últimos dias e ainda um post com os meus destaques desde mês a nível de música portuguesa: http://www.branmorrighan.com/2014/10/destaque-albuns-que-sairamsairao-nestas.html
















O meu muito obrigada a todas as bandas, em especial, ao Bruno Cardoso por no meio da sua agenda, mais do que complicada, ter tido o cuidado de responder seriamente às perguntas colocadas e ainda ter feito a Playlist desta quinzena. O seu 1975 está, sem dúvida, muito bom e vale a pena ouvir. E sim, sou uma sortuda do caraças. 

Quanto ao meu doutoramento ando na luta entre agentes simples em simulações de larga escala ou agentes complexos em que só se utilizam dois ou três agentes. Estou numa fase de leitura intensiva em que filtrar a informação é o mais complicado, mas o início é mesmo assim. Estou também a fazer um curso online com a Universidade de Michigan sobre Social Network Analysis e mal despache as coisas do blogue, é nele e na preparação de outras duas cadeiras que me vou concentrar. Fim-de-semana a trabalhar... Sabe sempre bem! Ahahah. 

Este Diário de Bordo saiu um pouco maior, mas nem sempre é fácil para mim esvaziar a cabeça e sentar-me ao computador a escrever coisas pessoais com tanto que tenho para fazer. Obrigada por estarem desse lado e não se esqueçam - apoiem a cultura portuguesa! Por falar nisso, a Gerador #2 já está nas bancas! 
Por aqui vou tentar acelerar um pouco as leituras, não tenho lido nada de nada, transcrever as entrevistas e ainda falar-vos dos discos que ainda não falei em pormenor, mas que quero muito. 

Grande beijinho, aproveitem bem o vosso fim-de-semana e não se esqueçam de ir passando pelo Morrighan que eu adoro ter-vos por cá! 

0 comentários