[DESTAQUE] Em Março pela TOPSELLER: "Antes Que Morras", de Samantha Hayes - Um thriller perverso e intenso

Antes que Morras Samantha Hayes 1ª Edição: Março de 2015 Páginas: 304 Preço: 17,69€ Perverso, intenso e totalmente compuls...


Antes que Morras
Samantha Hayes

1ª Edição: Março de 2015
Páginas: 304
Preço: 17,69€

Perverso, intenso e totalmente compulsivo, Antes Que Morras confirma Samantha Hayes como uma das grandes autoras de suspense da atualidade.

Se, Até que Sejas Minha deixou os fãs de thrillers psicológicos absolutamente rendidos, o mais recente livro de Samantha Hayes não vai desiludir. E, a sugestão anterior mantém-se: aconselha-se a leitura durante o dia, pois Antes que Morras pode tirar-lhe o sono à noite…

LIVRO
Dois anos após uma assustadora vaga de suicídios entre adolescentes, a vila remota de Radcote começa a retomar a normalidade. A inspetora Lorraine Fisher acaba de chegar para visitar a família, e o que encontra é uma atmosfera tensa e preocupante. A comunidade vê-se a braços com novas mortes misteriosas e até o seu sobrinho adolescente, Freddie, parece estar a afundar-se em pesadelos do passado.
Quando Freddie desaparece, Lorraine sabe que tem de agir rapidamente… antes que seja tarde demais.

AUTORA
Samantha Hayes é escritora profissional desde 2006, contando já com seis títulos publicados (Blood Ties, Unspoken, Tell Tale, Someone Else's Son, Até Que Sejas Minha e Antes Que Morras). Os seus livros estão publicados em múltiplos países: Estados Unidos, Reino Unido, Alemanha, Holanda, Noruega, França, Espanha, Itália, Turquia, Hungria, Rússia, Brasil, Polónia e China.
Samantha Hayes viveu na Austrália e nos Estados Unidos antes de, finalmente, se estabelecer na sua terra natal, no centro de Inglaterra. Escreve sobretudo thrillers psicológicos ambientados na vida familiar e focados em assuntos do quotidiano. Até Que Sejas Minha, também publicado pela Topseller, foi um bestseller internacional, com críticas arrebatadoras.

IMPRENSA
«Um thriller absolutamente brilhante que o obrigará a acelerar até ao chocante final. Atenção: pode tirar-lhe o sono!» - Closer.

0 comentários