[Queres é (a) Letra!] Especial Exclusivo - Mahogany - a house in iceland - the soul's journey to the intelligible place

No Queres é (a) Letra! anterior , limitei-me a uma única palavra - Esperança. Acontece que essa música, a house in iceland , é tão bela ...


No Queres é (a) Letra! anterior, limitei-me a uma única palavra - Esperança. Acontece que essa música, a house in iceland, é tão bela e tão cheia de uma visão que qualquer um gostava de ter como memória sua, que me pareceu desapropriado tentar acrescentar mais a algo que já diz tanto. E, sem darmos por isso, já estamos na última música do disco. Já tenho saudades, confesso. the soul's journey to the intelligible place dita o fim desta viagem, relembrando-nos que a criatividade é algo inerente ao ser humano acabando com um despertar para o que verdadeiramente nos rodeia, não nos limitando àquilo que apenas aparenta ser. Acabo voltando a dizer - este é um dos discos mais bem conseguidos de sempre na música portuguesa. 




Frank Lloyd Wright – Man is a phase of Nature, and only as he is related to Nature does he matter, does he have any account whatever above the dust. And man, in a sense of a good Philosophy, he is inevitably creative.

(…)

you’ve seen them dancing to their song
always right and never wrong
they’d said look and you’d behold
from a young age; now you’re old
thinking you have seen it all
but all you’ve seen where shadows on the wall
look away
break the chains
break the mould

0 comentários