Em Maio, pela Companhia das Letras: Dias Perfeitos, de Raphael Montes

Dias Perfeitos Raphael Montes Edição/reimpressão: 2015 Páginas: 336 Editor: Companhia das Letras ISBN: 9789898775382 «Be...


Dias Perfeitos
Raphael Montes

Edição/reimpressão: 2015
Páginas: 336
Editor: Companhia das Letras
ISBN: 9789898775382

«Bem…», ela disse, mordiscando a borda do copo, «ao menos você bebe. Costumam dizer que pessoas que não bebem são perigosas… Sinal de que você não é perigoso.»


LIVRO
Téo tem 23 anos, estuda medicina e é vegetariano. De natureza solitária e introvertida, é contrariado que aceita ir a um churrasco, instigado pela mãe, paraplégica, de quem se ocupa quando não está a dissecar cadáveres nas aulas. Aí, conhece Clarice, uma jovem estudante de História de Arte que sonha tornar-se guionista de cinema. E apaixona-se. Vicia-se naquela rapariga rebelde, tão diferente das outras, tão livre. 
Mas Teo não é apenas um tímido estudante de Medicina. A sua loucura vai-se insinuando na narrativa através de um perfeito e profundo desdém e egoísmo plenamente justificados pelos fins que pretende alcançar. E a insistência de Téo em rever Clarice e conhecê-la melhor, transforma-se numa perturbante perseguição, primeiro, numa verdadeira descida aos infernos, depois – baseada em Dias Perfeitos, o nome do guião que a jovem está a escrever. 
Sedada e imobilizada, Clarice transforma-se numa prisioneira da obsessão calculista e fria de Teo, uma mente obsessiva e doentia que arrasta o leitor, a um ritmo electrizante, para o core de uma narrativa angustiante e paranóica. Onde a normalidade se suspende, é aí que Raphael Montes impressiona e surpreende num dos melhores thrillers escritos em português dos últimos anos.

AUTOR
RAPAHEL MONTES nasceu em 1990, no Rio de Janeiro. Advogado e escritor, é também «uma estrela em ascensão» no panorama literário brasileiro. Estreou-se aos 20 anos com SUICIDAS, publicado pela editora brasileira Saraiva em 2012, um policial tão intrigante e surpreendente que o levou às listas de finalistas dos prémios Benvirá de Literatura 2010, Machado de Assis 2012 da Biblioteca Nacional, e São Paulo de Literatura 2013.
Grande apaixonado pela literatura policial e noir, Raphael Montes tem uma coluna semanal sobre o tema no Jornal do Brasil e foi recentemente convidado a participar numa antologia de policiais ao lado de nomes como Rubem Fonseca e Lygia Fagundes Telles. 
DIAS PERFEITOS será brevemente adaptado ao cinema.

IMPRENSA
«Eu sempre acreditei que o suspense fosse um género estranho a nós, habitantes dos trópicos, donos de uma herança portuguesa, índia, negra e católica. A perversidade de Stephen King, no Brasil, soaria sempre estrangeira, tão falsa quanto um filme mal dobrado. Raphael Montes me convenceu do contrário. Em DIAS PERFEITOS, seu herói assassina, disseca, dopa e perverte em lugares tão familiares quanto a serra fluminense e a bucólica Ilha Grande. É como se Marquês de Sade tivesse morrido numa banheira de hidromassagem em Copacabana. 
Raphael Montes é uma revelação de escritor, dono de uma mente corrompida, cruel, jovem e fascinante.»
Fernanda Torres, actriz e escritora

«Revelação da literatura policial brasileira, Raphael Montes lança romance com tiragem elevada, colhe elogios e vende direitos para cinema.»
Folha de S. Paulo

«Um garoto invade o território do noir.»
O Estado de S. Paulo

«Raphael Montes está entre os mais brilhantes ficcionistas jovens que conheço. Ele vai certamente redefinir a literatura policial brasileira e surgir como uma figura da cena literária mundial.»
Scott Turow, escritor


O autor estará em Lisboa entre os próximos dias 13 e 16 de Maio, onde irá participar na conferência Crime na Literatura, inserida no Programa Gulbenkian Próximo Futuro.

0 comentários