[Diário de Bordo] Acho que estou apaixonada...

... por Bilbao! Ok que os dias não têm sido propriamente calmos e ok que ter que conjugar a vida de "agente" com a de aluna d...



... por Bilbao! Ok que os dias não têm sido propriamente calmos e ok que ter que conjugar a vida de "agente" com a de aluna de doutoramento é certamente um desafio como há poucos, mas estou a tirar um gozo do caraças desta experiência. Ainda não tive oportunidade para explorar muito a cidade, mas o local onde estou é certamente belíssimo e quando regresso à noite a vontade que tenho é de me perder pelas ruas, ir atravessando as várias pontes, de um lado para o outro, que existem ao longo do percurso do rio, etc etc. Ontem encontrei um sítio que tem um óptimo "café americano", o que me parece um nada raro, mas também não fui a todos os cafés. Descobri, antes de ontem, que não sou mesmo amantes de tapas e por isso as refeições, para ficarem em conta tendem a ser mais simples. 


Acho que Bilbao é a única cidade que eu conheço que consegue competir com a quantidade de confeitarias que existe no nosso Porto. É que aqui há uma a cada esquina ou rua e têm todas um aspecto delicioso. Aliás, são verdadeiras padarias (com todo o tipo de pães) que ainda têm uma parte de pastelaria brutal. Tudo com um aspecto que dá vontade de engolir tudo! Ontem provei um pastel de "arroz" com canela. Nunca tinha encontrado em Portugal, mas... não era má, não tendo também ficado a maior fã! Claro que há outros que tenho a certeza que iria gostar, cheios de creme ou nozes ou sei lá, mas vá, estou a tentar comportar-me! 

Neste momento vingo-me no pequeno-almoço do hotel. Tostas com ovos mexidos, fruta, café, sumo de laranja e acho que ainda vou roubar ali um daqueles donuts com cobertura de chocolate... Já me esquecia de como pode se pode ser guloso num buffet de hotel! A seguir é pegar nas coisas que hoje há mais conferências super interessantes, pessoas com quem falar, um paper para acabar e submeter, um festival para ir à noite - vou ver, espero eu, Benjamin Clemantine, Everything Everything e Iron & Wine e Stereophonics (isto se conseguir terminar o paper antes...)!

Tenho conhecido gente muito porreira por aqui, mesmo com as dificuldades linguísticas que às vezes encontro. Mas a culpa é em parte minha. Perceber espanhol percebo perfeitamente e praticamente tudo, falar espanhol... Ahahah, pois, vocês rebolariam a rir. Tento recorrer ao inglês sempre, que é mais fácil para mim, mas os espanhóis não são fãs de inglês! Ainda assim falei português ontem com um argentino e com brasileiros! Oh yeah! Soube bem falar um bocado português, se bem que parecia que aí sim, tinha de pensar no que ia dizer, já que sai tudo automaticamente em inglês desde que estou aqui!

Bem, vou-me por a andar! Beijos beijos beijos e até logo! Tenho alguns livros para tentar divulgar e dois passatempos para preparar, mas provavelmente só depois de aterrar em Lisboa no Domingo. Ainda assim fiquem atentos! 

0 comentários