[7 Anos Blogue Morrighan] O Texto do Luís Sousa (Música em DX)

É engraçado que realmente não devemos dar o ano por concluído até ao último dia e o caso deste texto é mais ou menos isso. Conheci o Luí...


É engraçado que realmente não devemos dar o ano por concluído até ao último dia e o caso deste texto é mais ou menos isso. Conheci o Luís no Vodafone Mexefest (na altura eu estava a representar a Glam Magazine), mas já nos tínhamos cruzado uma enormidade de vezes por uns quantos concertos. Acabámos por depois trocar algumas opiniões e descobrimos que existe uma admiração mútua entre o trabalho que cada projecto desenvolve - o blogue e o Música em DX. Como disse ao Luís, eu tenho muito gosto em divulgar outros projectos genuínos, cujo trabalho admiro e cuja postura sinto que é a melhor. Nisto dos blogues e dos sites, sejam literários ou musicais, existe muito aquela sobranceria silenciosa, até preconceituosa às vezes, que me irrita bastante, e é sempre uma lufada de ar fresco quando encontro a descontracção e a dedicação sem "merdas" de outros projectos. Desafiei então o Luís a falar-nos um pouco do seu Música em DX e do trabalho que tem feito na primeira pessoa. Os links estão no post, por isso se gostam de música e querem trabalho sério e de qualidade, é seguirem-nos! 


Bom, sem grande jeito para escritas, e um pouco mais para fotografar, cá estou a convite da Sofia que com toda a sua simpatia nos desafiou a falar sobre o ano 2015 para o projecto Música em DX :)



Este projecto, iniciado em 2014 numa pequena “brincadeira” entre sobrinha e tio, ambos fotógrafos com paixão pela fotografia de espectáculo, acabou por ganhar a forma que se conhece hoje apenas em Março deste ano. Até essa data, a nossa presença existia apenas no Facebook – https://www.facebook.com/musicaemdx - onde publicávamos em galerias de fotos e com pequeno texto de suporte as nossas reportagens fotográficas já com a colaboração de uma amiga, a Carla Sancho.




Em Março deste ano, após o lançamento oficial do website, decidimos também alargar a nossa presença ao instagram (http://www.instagram.com/musicaemdx) e ao youtube (https://www.youtube.com/channel/UCJxIjYrT6Qlm-YVg_-RhwFA), o que naturalmente veio trazer uma nova dimensão ao projecto, e também, necessidade de mais pessoas colaborarem com ele. Para além da reportagem fotográfica, começámos também a realizar entrevistas, reviews de discos, e a divulgar alguma da actualidade musical, aquela que mais se identifica com o projecto. 




Tratando-se de um projecto 100% amador, feito no final do dia de trabalho de cada um de nós, temos a colaboração naturalmente esporádica de 6 pessoas para fotografia (eu, a Rita Justino, o Miguel Mestre, a Silvana Delgado – Valentina Ernö -, a Ana Pereira e o Nuno Cruz), e 8 pessoas para texto (a Carla Sancho, o António Moura dos Santos, o Carlos Sousa Vieira, o João Castro, a Eliana Berto, o Pedro Reis, o Pedro Raimundo e o David Polido). Esta equipa que se tornou entretanto também um grupo de amigos, que eu fui convidando individualmente e escolhendo de forma até um pouco criteriosa, possibilitou estarmos presentes na maioria dos eventos que pretendíamos fazer cobertura, e com uma qualidade na minha opinião bastante aceitável. Para além de responsável por este projecto, sou também um fã do trabalho dos meus colegas :)



Tem sido uma experiência muito interessante, o feedback muito positivo, se no início nos sentíamos como “intrusos” num meio que desconhecíamos por completo, hoje já não é tanto assim, e não nos podemos queixar, a aceitação por todas as pessoas com quem falamos diariamente tem sido excelente. Como eu costumo dizer, sendo nós amadores devemos ter uma postura profissional pois a maioria das pessoas com quem falamos diariamente fazem da música a sua vida, e isso obriga-nos a um enorme respeito pela forma como lidamos com todos. Temos muitas noites em que não nos apetece sair de casa para ir fazer uma reportagem, ou porque o dia de trabalho foi uma estafa completa, ou porque está a chover ou frio, ou porque sabemos que a noite vai ser longa e no dia seguinte temos que entrar com a mesma disposição e à mesma hora no nosso local de trabalho, mas, quem corre por gosto não cansa e nós fazemos sempre o possível por estarmos onde nos comprometemos estar. 



Neste momento a melhor forma de nos conhecerem, ou de conhecerem o que andámos a fazer durante este ano, para além de darem uma volta no nosso website www.musicaemdx.pt e fazerem “gosto” no nosso facebook, talvez seja espreitarem também os momentos do ano para quem escreve e fotografa para o Música em DX :)



“Música em DX, os momentos do ano para quem escreve”



“Música em DX, os momentos do ano para quem fotografa”




2016 promete ser um ano do caraças em termos de trabalho na música que procuramos, por isso resta-me esperar que tenhamos disponibilidade e saúde – ao contrário deste preciso momento em que “combato” um pacote de viroses que me foi “oferecido” no natal :P – para estarmos onde queremos estar, isto é, onde a melhor música acontecer em Portugal :). 



Em nome do MDX agradeço-te este convite, é um prazer partilhar a nossa experiência contigo e com o 7º aniversário do teu blogue. Muitos parabéns! :) Ah! E ficas já avisada que lá estaremos no dia 15 para te “chatear” e juntarmo-nos à tua festa!



Fico mesmo contente com a presença do Música em DX no aniversário e aposto que vai ser um festão! Sigam-nos e apareçam!

0 comentários