Prolongamento da Exposição LUÍS FILIPE E A FARSA DA VIDA, no Museu Bordalo Pinheiro, até 28 de fevereiro

Exposição Luís Filipe e A Farsa da Vida Galeria do Museu Bordalo Pinheiro Campo Grande, 382 - Lisboa Exposição patente de 20 de...


Exposição
Luís Filipe e A Farsa da Vida

Galeria do Museu Bordalo Pinheiro
Campo Grande, 382 - Lisboa
Exposição patente de 20 de setembro
a 30 de dezembro de 2015
Horário
Terça-feira a Domingo, das 10h às 18h
Encerra Segunda-Feira e Feriados
Entrada Gratuita

Luís Filipe (1887 – 1949) foi um dos pioneiros do Modernismo em Portugal que o Museu Bordalo Pinheiro dá a conhecer com a exposição Luís Filipe e A Farsa da Vida. A exposição acompanha o seu percurso artístico:
- os primeiros anos em Coimbra, com o despertar da sua consciência política e social, mas também com a representação de tipos sociais retirados da vida mundana. Foi neste período que publicou o jornal A Farça (1909-1910), um dos primeiros a publicar desenhos modernistas em Portugal, e que faz a ligação ao título desta exposição;
-os anos que se seguiram à implantação da República, com uma forte presença nos jornais com desenhos acentuadamente políticos, anticlericais e denunciadores de situações de injustiça social;
-por fim os desenhos da sua vida adulta, em Viana do Castelo, com caricaturas de figuras locais e representações da cor e movimento do folclore, sempre com um olhar humorístico. A exposição apresenta também autocaricaturas e obras que outros artistas do grupo de Coimbra lhe dedicaram, como Cristiano Cruz e Almada Negreiros.

0 comentários