Acabei de Ler: Deixa-te de Amarguras, para Imperfeitas - de Raquel Córcoles (Ilustradora) e Lucía Taboada

Deixa-te de Amarguras, Para Imperfeitas Raquel Córcoles (Ilustradora) e Lucía Taboada Editora : Grupo Planeta Portugal Comprar a...


Deixa-te de Amarguras, Para Imperfeitas
Raquel Córcoles (Ilustradora) e Lucía Taboada

Editora: Grupo Planeta Portugal

Comprar aquihttp://goo.gl/i6EE9r

Decidi fazer um post de opinião diferente, em vez do clássico, porque acho que este é um livro que merece ser falado de forma bem descontraída e porque também não é uma daquelas obras que requeira uma profunda análise literária. É sim um livro que pode ser considerado de auto-ajuda, mas ao mesmo tempo um companheiro de riso e boa disposição. 

Deixa-te de Amarguras, para Imperfeitas é uma espécie de guia a três semanas para que as mulheres, mas acho que facilmente se adapta a homens também, se possam libertar de umas quantas amarras a que se auto-submetem. Através de quatro intervenientes - a psicóloga, o neurologista, o personal trainer e a malévola - vão-nos sendo apresentados cenários, bons e maus, possíveis explicações para os mesmos e ainda sugestões de soluções. 

O universo feminino consegue ser um autêntico bicho de sete cabeças, dependendo da tendência que se tem a complicar as situações, mas até mesmo para pessoas mais simples e resolvidas, este livro consegue apresentar e relembrar uma série de estratégias para irmos mantendo o equilíbrio. Acho especialmente importante o equilíbrio que se faz notar entre ouvir as necessidades do corpo (e não falo propriamente de dietas para perder peso, mas antes mantê-lo activo e saudável) e as necessidades da mente, em que tenta ajudar a que se adoptem métodos para relaxar e esvaziar a mente por uns momentos. 

Penso que o grande ponto positivo é o formato do livro. Existem muitos livros com estas intenções, porém a maioria abusa de um formalismo e de um peso na mensagem transmitida que parece adicionar uma carga ainda mais amargurada do que aquela que o leitor já tem. Raquel Córcoles com as suas ilustrações giríssimas e Lucia Taborda com a sua abordagem linguística como se estivéssemos a falar com a nossa melhor amiga proporcionam uma viagem muito agradável e que passa quase sem darmos por ela, mas retendo bastante do que lá transmitem. Prenda ideal para darmos àquela nossa amiga, ou até amigo, que pode andar com uma ou outra crise existencial! 

2 comentários