Divulgação Ciclo de Concertos V.N. Famalicão - Devesa Sunset 2016

Em Agosto, o Parque da Devesa de V.N. de Famalicão volta a receber o Devesa Sunset. Todas as sextas feiras, pelas 19h, junto ao lago do ...


Em Agosto, o Parque da Devesa de V.N. de Famalicão volta a receber o Devesa Sunset. Todas as sextas feiras, pelas 19h, junto ao lago do Parque da Devesa, o pôr-do-sol tem música a acompanhar. A entrada é livre.

5 de Agosto | Hot Air Balloon
De pontos opostos da costa Atlântica da Europa, o duo com raízes Irlandesas e Portuguesas, Hot Air Balloon, caracteriza-se por soar profunda e delicadamente. A voz doce, calorosa e indelével de Sarah-Jane encontra-se com a musicalidade técnica de Tiago, complementando-se numa performance harmoniosa, íntima e inesquecível. Lançado este ano, "Behind Walls" é o álbum de estreia da banda Luso-Irlandesa.

12 de Agosto | Old Jerusalem
Depois de um período de interregno desde o último álbum homónimo editado em 2011, Old Jerusalem regressa às edições discográficas com “A rose is a rose is a rose”, o sexto trabalho de longa duração do projeto.
Por contraponto ao anterior “Old Jerusalem” (PAD, 2011), integralmente composto e interpretado por Francisco Silva, “A rose is a rose is a rose” retoma a colaboração com outros músicos, destacando-se a este título o trabalho desenvolvido com Filipe Melo, responsável pelo piano e arranjos de cordas do álbum e um verdadeiro e empenhado cúmplice na delineação do rumo estético do trabalho. Segundo crítica do jornal Expresso, o sexto álbum de Old Jerusalem é não só o seu melhor trabalho até hoje como um dos melhores discos deste ano.

19 de Agosto | Filho da Mãe
O virtuoso guitarrista Rui Carvalho, que responde artisticamente por Filho da Mãe, apresenta “Mergulho”, o seu novo trabalho. Em “Mergulho”, Rui Carvalho diluiu-se no tempo e no espaço, tornando permeável o registo que até então cunhava como algo só dele — o que partilhou retornou-lhe maduro, melodioso e doce, em contraste com as incursões mais intempestivas e desenfreadas de outros tempos. Mergulho é permeável à pedra, à terra e à gente que o rodeia, é um disco de Filho da Mãe que transpira espaço e transcende dimensões, imergindo-se no bucólico para o desconstruir num exercício de cubismo sónico, impregnado de efeitos e das reverberações naturais do cenário improvisado pelos Estúdios Sá da Bandeira.

26 de Agosto | Valter Lobo
Valter Lobo regressa com um novo trabalho depois de três anos coberto pelo manto gelado das primeiras canções de "Inverno" de onde se destacaram temas como "Pensei que fosse fácil" ou "Eu não tenho quem me abrace neste inverno".
"Mediterrâneo" é um disco conceptual em que o cantautor, sem colocar de parte uma melancolia inata, faz uma reaproximação ao calor humano e ao mundo, na busca de um clima mais ameno e apaziguador, despido de materialismos em que os bens essenciais à sobrevivência são a proximidade com o mar e com aqueles de quem gostamos.

0 comentários