[Diário de Bordo] É Proibido Ficar-se Doente #SQN

Bom diaaaaaaaa! Como têm passado? Essa saúde? Pois bem, por aqui as coisas andam um bocadinho mais complicadas do que o costume, pelo si...


Bom diaaaaaaaa! Como têm passado? Essa saúde? Pois bem, por aqui as coisas andam um bocadinho mais complicadas do que o costume, pelo simples facto de me encontrar doente, MESMO doente, há uma semana. Lá volto eu ao médico hoje para se ver o que se pode fazer de diferente, já que melhoras nem por um monóculo pirata. 

Felizmente, no Sábado passado, a apresentação dos livros do Mundo de André, da Manuela Gonzaga, correu bem. Consegui ter voz e não ter uma festa tropical interior (aquelas oscilações entre frio, calor, suores frios, etc.). São livros juvenis que são de uma natureza tão genuína e verdadeira que, na verdade, qualquer pessoa pode lê-los. Misturam valores pessoais, com dores de crescimento (falo de quando começamos a perder a inocência), com lendas, ciência, história. e não mais saía daqui. Valem mesmo a pena. No próximo Sábado é a vez de Reguengos de Monsaraz nos receber! 

A quem me tem enviado mensagens e mails e sei lá, peço-vos um pouco mais de paciência. Ninguém fica mais frustrado do que eu por não conseguir responder, mas apesar de quase todos viverem num mundo quase a tempo inteiro "online", eu prezo bastante o meu tempo "offline" e não andando bem é nesse universo que me vão encontrar. Aqui o blogue vai sendo a única excepção porque sempre o foi. Março vai ser um mês de exigências académicas e profissionais, a ver se isto passa o mais rapidamente possível para correr tudo bem. 

Em relação a leituras, estou de volta ao Nem Tudo Será Esquecido, de Wendy Walker! Fiquem bem e até já :) 

0 comentários