Em Julho, pela Elsinore: Os Não-Europeus Pensam?, de Hamid Dabashi

Os Não-Europeus Pensam? Hamid Dabashi UM LIVRO QUE EXPÕE OS PRECONCEITOS DO OCIDENTE EM RELAÇÃO AO PENSAMENTO QUE SE PRODUZ FORA D...


Os Não-Europeus Pensam?
Hamid Dabashi

UM LIVRO QUE EXPÕE OS PRECONCEITOS DO OCIDENTE EM RELAÇÃO AO PENSAMENTO QUE SE PRODUZ FORA DA EUROPA

LIVRO
Kojin Karatani, Roberto Fernandez Retamar, Cornell West? Reconhece algum destes nomes? Não? É natural, infelizmente.
A Filosofia diz ser a busca do conhecimento, solta de quaisquer constrangimentos. No entanto, até a análise mais superficial revela que, sempre que se coloca um pé fora da tradição europeia, existe um preconceito enraizado nas suas fundações - por exemplo: enquanto a filosofia europeia é, simplesmente, conhecida como «filosofia», a filosofia africana é, não raras vezes, referida como «etnofilosofia». A tradição filosófica europeia, pura e simplesmente, não se mostra capaz de assumir o vasto contributo de pensamento original que floresceu fora do pedigree do seu território.
Neste ensaio, Hamid Dabashi reúne um conjunto único e lúcido de reflexões sobre a atualidade e o papel que a Filosofia desempenha na análise da mesma, defendendo que o único modo de lidarmos com os problemas com que a Humanidade se depara é eliminando esse olhar etnográfico limitado, deixando de encarar os pensadores não-europeus como meros subordinados.

AUTOR
Hamid Dabashi é professor de Estudos Iranianos e Literatura Comparada na Universidade de Columbia, em Nova Iorque. Nascido no Irão, em 1951, doutorou-se em Sociologia da Cultura e Estudos Islâmicos na Universidade de Pensilvânia, em 1984, seguindo-se o pós-doutoramento na Universidade de Harvard. Escreve regularmente para meios de comunicação social como o The New York Times, Al-Ahram ou CNN.

IMPRENSA
«Estes ensaios são vigorosos, astutos, provocadores e acertam em cheio. Finalmente reunidos num só volume, tornam-se uma reflexão poderosa sobre o que significa viver num mundo pós-colonial.»
Souleymane Bachir Diagne, Universidade de Columbia

«O grande choque de civilizações e ideologias [entre o Islão e o Ocidente] será, cada vez mais, algo a ser pensado na História ocidental, com Dabashi na linha da frente dos escritores e intelectuais focados no tema.»
The Guardian

«Um dos mais importantes críticos culturais.»
Washington Post

«Espetacular, importante e incisivo. O trabalho de Dabashi é crucial para os nossos tempos.»
Zillah Eisenstein, Ithaca College

0 comentários