Editora Guerra e Paz com novo site e novo espaço "Amigos Guerra&Paz"

Temos onze anos de vida atravessados por uma interrogação permanente: o que queremos fazer dos nossos livros? Por mais que a Guerra &am...



Temos onze anos de vida atravessados por uma interrogação permanente: o que queremos fazer dos nossos livros? Por mais que a Guerra & Paz editores julgue saber o que fazer dos seus livros, o destino deles está nas mãos dos nossos leitores. A caminho dos doze anos de existência, a Guerra & Paz inaugura uma fase novinha em folha. Fá-lo, agora, com este novo site e com esta newsletter. Com um objectivo: pôr cada vez mais o destino dos livros nas mãos dos nossos leitores.

Já tivemos bestsellers, o livro mais vendido do ano até, já fizemos livros de luxo e arte que provavelmente só interessam alguns happy few, já publicámos autores estreantes e autores consagrados, romances e polémicos livros de ensaios. Mas esta é a primeira vez que temos as ferramentas certas para estabelecer uma relação de proximidade com os nossos leitores.

Vamos continuar a encontrar-nos nas livrarias, nos hipermercados, nas papelarias, nas lojas de bairro, em todos os lugares onde o leitor pode encontrar livros. Vamos continuar a falar consigo, caro leitor, na imprensa e nas redes sociais e a recolher as suas opiniões e avaliações. Mas agora, passamos a encontrar-nos neste site.

Mas mal seria se não trouxéssemos novidades. Criámos, em primeiro lugar, Os Amigos da Guerra e Paz. Temos um lema: zero obrigações para o leitor, que passa a ter só vantagens. Está tudo explicado no site, num texto que pode ler aqui.

Criámos também um blog: Letras, Labirinto e Livros. É uma das novidades deste site. Sim, é para falar dos livros que publicamos, mas não só. Queremos que seja uma sala de estar: de conversa, de debate, de notícias, que tanto podem ser as da Guerra & Paz como as de outros editores nacionais ou internacionais.

E vamos criar, numa íntima ligação a Os Amigos da Guerra e Paz, uma loja online com condições especiais de venda dos nossos livros. Subscrições que possam criar as condições para a edição de livros de custo elevado. Pré-vendas para alguns títulos mais desejados. Campanhas que concedam descontos muito vantajosos a leitores fiéis.

Tudo o que vamos fazer é pelos livros: para criar novas colecções, para descobrir novos autores. Sozinha, a Guerra & Paz vale pouco, com a multidão dos nossos leitores abrimos novos caminhos.

Estamos em www.guerraepaz.pt

0 comentários