[FreshFindings] Saer e o seu arrepiante Break

Já descobri este projecto há uns meses atrás, mas com a defesa do meu doutoramento, com algumas questões pessoais e ainda com a mudança ...


Já descobri este projecto há uns meses atrás, mas com a defesa do meu doutoramento, com algumas questões pessoais e ainda com a mudança para os Estados Unidos, só agora consigo pegar nesta sua bela canção e partilhá-la convosco. Na primeira pessoa, falei um pouco com Saer e perguntei-lhe a motivação por trás desta canção tão emotiva.

‘Break’ was written about a need of getting away from routine, escaping the rat race and seeking some solace. It came from a place of knowing that you can’t keep everyone happy and the guilt from that won’t help in moving forward. ‘Break’ speaks of making new plans and finding a way home, more in an emotional and mental capacity than physical.

E o mais engraçado é que, dada a minha situação actual, esta canção faz todo o sentido. A sonoridade mistura várias texturas electrónicas com uma voz que encontra nos falsetes o seu tom mais arrepiante.  É o grito de libertação que a própria letra exige. Preparem-se para ficarem com pele de galinha! 




Bodies traffic building
Screaming here in slip streams
Find a way out

Clocking in, for favours
Feel of guilt prevails

You break the mould
Kick back the stones
And find a way home

Making plans to change this
Mounting pressure on my chest
Fighting to breath

Needing of forgiving
Trying to feel we're living
But not by these rules

0 comentários