Festival para Gente Sentada regressa a Braga dias 16 e 17 de Novembro, com Nils Frahm, Marlon Williams, Alice Phoebe Lou e Núria Graham

Dias 16 e 17 de Novembro, Braga volta a abrir as portas para receber uma nova edição do Festival para Gente Sentada. Mantendo a apo...



Dias 16 e 17 de Novembro, Braga volta a abrir as portas para receber uma nova edição do Festival para Gente Sentada.

Mantendo a aposta numa programação sofisticada e dedicada à música íntima de artistas proeminentes, o festival leva nomes nacionais e internacionais às principais salas bracarenses, o grande auditório do Theatro Circo, o alternativo GNRation, e como já é habitual, estende também a música ao centro da cidade. 

A primeira confirmação, com actuação marcada para o dia 17 de Novembro, é Nils Frahm. O músico descobriu o interesse pela música, ainda em criança, quando decidiu mergulhar entre os clássicos musicais de gerações passadas e as novas sonoridades de compositores contemporâneos. Compositor, produtor e intérprete distingue-se graças a abordagem pouco convencional de um instrumento milenar, o piano. Os seus vastos espetáculos são compostos por misturas contemplativas e íntimas, numa escala hipnotizante. Depois de aclamados álbuns, distinções, colaborações cinematográficas e musicais com artistas como Ólafur Arnalds e Woodkid, Nils Frahm está de regresso aos palcos com o mais recente disco “All Melody” 2018. 


O músico neozelandês tem presença marcada no Festival para Gente Sentada em Braga com actuação dia 16 de Novembro no Theatro Circo. Com apenas dois álbuns Marlon Williams foi considerado uma das vozes mais extraordinárias e distintas da sua geração. O músico, natural da Nova Zelândia, chega a Portugal com o seu mais recente disco “Make Way For Love”, 11 canções que narram a história de um recém desamor. Williams explora novos terrenos musicais nas suas sonoridades country, soul, folk e pop e revela-se uma estrela em ascensão. 


A feroz e independente abordagem de Alice Phoebe Lou à música transparece na sua criativa e cativante voz. A jovem sul-africana atraiu a atenção de amantes de música em todo o mundo graças às narrativas honestas e às cruas sonoridades musicais que desenvolveu pelas ruas de Berlim. Depois de uma tour pela Europa e África de Sul, a cantora e compositora é a mais recente confirmação para dia 16 de Novembro,  acompanhada pelo seu novo disco “Orbit”. Uma actuação onde sonoridades de soul, blues e jazz se misturam com suaves harmonias vocais.


Também confirmada, mas para o dia 17, está a cantora e compositora catalã Núria Graham que, com apenas 16 anos, começou a compor e a apresentar as suas próprias músicas. O seu primeiro disco, “Bird Eyes" (2015), é um jogo de voz e guitarra em fundos quer electrónicos quer acústicos. Com influências de artistas tão diversos como St. Vincent, Pj Harvey, James Blake ou Chet Baker, Núria Graham é considerada uma das vozes mais promissoras da sua geração em Espanha. Com o EP “In the Cave” a cantora demonstra um trabalho sólido, repleto de letras sensuais e um tom assumidamente mais pop.

O Festival para Gente Sentada é uma co-produção da Ritmos, da Câmara Municipal de Braga, do Theatro Circo e do GNRation. O percurso de uma década marcado por actuações intimistas, de nomes como Patrick Watson, Sufjan Stevens, Bill Callahan, Devendra Benhart ou Tindersticks, transformou-o num evento obrigatório para um público sempre fiel e exigente. 

Até 13 de Setembro, os bilhetes diários podem ser adquiridos por 20€ e o passe geral por 35€. A partir de 14 de Setembro, os bilhetes diários passam a custar 25€ e o passe geral 40€. Os pontos de venda são bol.pt, FNAC, CTT, El Corte Inglés e bilheteira do Theatro Circo. 

0 comentários