Vodafone Vozes da Escrita regressam à Praia Fluvial do Taboão com Inês Meneses, Rui Reininho, Márcia e Valter Hugo Mãe

Pelo quinto ano consecutivo, as sessões de leitura Vodafone Vozes da Escrita regressam ao festival Vodafone Paredes de Coura, na Praia F...


Pelo quinto ano consecutivo, as sessões de leitura Vodafone Vozes da Escrita regressam ao festival Vodafone Paredes de Coura, na Praia Fluvial do Taboão, e este ano serão protagonizadas por duas duplas: a radialista Inês Maria Meneses e o músico Rui Reininho, no dia 15 de agosto, e a cantora e compositora Márcia e o escritor Valter Hugo Mãe, no dia 16.

As atuações acontecem, nos respetivos dias, no palco Jazz na Relva, às 13h, e à semelhança de anos anteriores os convidados vão preparar duas sessões de leitura únicas, proporcionando aos presentes nas margens do rio Coura momentos especiais em torno das palavras, que só podem acontecer num festival tão especial como o Vodafone Paredes de Coura.

Inês Maria Meneses formou-se como radialista na TSF, onde permaneceu durante 12 anos, antes de se mudar para a Radar. Autora do programa de entrevistas “Fala com Ela”, na Radar assina ainda o programa semanal “PBX” com o escritor Pedro Mexia, onde a atualidade cultural dita a emissão semanal de uma hora.

Inês Meneses sobe ao palco Jazz na Relva ao lado de Rui Reininho, figura incontornável da cultura pop portuguesa e mítico vocalista dos GNR desde 1981, com quem gravou 12 discos de originais. Artista multifacetado, Rui Reininho recebeu várias distinções ao longo da sua carreira, entre elas a Medalha de Mérito Cultural do Estado Português.

A primeira sessão da edição de 2019 das Vodafone Vozes da Escrita promete ser um encontro muito especial entre dois amigos, que além da amizade partilham cumplicidades musicais e literárias.

De profunda amizade também é feita a relação da dupla que protagoniza a segunda sessão de leitura no Vodafone Paredes de Coura. Márcia, um dos talentos maiores da composição nacional da atualidade, destacou-se na última década pelos seus trabalhos sinceros e intimistas, nomeadamente o EP “A Pele que Há em Mim”, “Dá”, “Casulo”, “Quarto Crescente” e “Vai e Vem”.

Ao lado de Valter Hugo Mãe – reconhecido por todos como um dos mais destacados escritores portugueses, autor de várias obras premiadas como “A máquina de fazer espanhóis”, “O remorso de Baltazar Serapião” e “O apocalipse dos trabalhadores” – espera-se uma hora de partilha irrepetível entre dois amigos.

As Vodafone Vozes da Escrita surgiram em 2015, com a participação dos escritores Matilde Campilho, Pedro Mexia, Carlos Vaz Marques e Rui Cardoso Martins. Nos anos seguintes, entre os convidados passaram nomes como Samuel Úria, Gisela João, Capicua, Adolfo Luxúria Canibal, Catarina e Tomás Wallenstein, Marta Ren, Miguel Guedes, Manuela Azevedo, António Zambujo, Sara Carinhas, José Eduardo Agualusa e Kalaf, dando vida a textos que incluíam poesia, letras de canções, excertos de romances, crónicas, histórias e autores vários.

A 27.ª edição do Vodafone Paredes de Coura decorre entre os dias 14 e 17 de agosto, e vão passar pelo ‘habitat natural da música’ nomes como The National, New Order, Patti Smith, Car Seat Headrest, Father John Misty, Suede, Mitski, entre muitos outros.

Os últimos passes gerais para a 27ª edição do Vodafone Paredes de Coura estão disponíveis por 94,00€ na App Vodafone Paredes de Coura e nos pontos de venda oficiais e nos locais habituais (FNAC, CTT, El Corte Inglês…). O passe geral dá acesso aos 4 dias do festival e ao camping, sendo limitado ao espaço existente. Os bilhetes diários estão disponíveis por 55,00€.

0 comentários